14 novembro 2007

Fotografia d(e um)a noite


Uma casa com muito cachet e outro tanto de pombos, baratas e outros animais à mistura. Uma lauta mesa antes guarnecida com as contribuições de todas, da maravilhosa bimby e de uma empregada doméstica talentosa.

Foi dançar a bossa nova e Perante o riso geral discutem animadamente se o ser humano é ou não tendencialmente bissexual e em que medida a heterosexualidade é uma questão cultural ou biológica e ambas dizem para os seus adentros, meu deus, como é possível pensar tão diferente!

Gerou-se a confusão natural tenta abandonar a ideia de que estão todas a conspirar contra si e, entre um golo de vinho tinto e outro, conversa animadamente com Dizia ela baixinho, que só bebe cerveja pela garrafa, discorrendo sobre o Second Life e o fenómeno das relações virtuais, apreciando mutuamente a côr dos seus vernizes.

No baile da Dona Ester, vsffff, discorre sobre a sexualidade enquanto vai preparando parece que concentradamente a acta da reunião. Sete e picos, vsfffff, dá uma achega de meia hora sobre a construção dos papéis de género, vsfff, na nossa sociedade até que a mandam calar e O chofer a dançar com a criada, com os seus olhos de felina escondida detrás de um gato, se lembra de quando era criança e lhe falavam do fim do mundo.

Na prise és bestial, o senhor ou a senhora das termas a tenha na sua graça, tira compulsivamente fotografias com a sua adorada máquina digital em todas as posições possíveis, de todos cantos e recantos da sala; de quando em quando solta alto e bom som um conjunto de frases certeiras e irrebatíveis e regressa silenciosa à sua moldura que entretanto já discute, animada e sobrepostamente, outros múltiplos temas que por aqueles jantares passam.

10 comentários:

gerou-se a confusão natural disse...

Que belo quadro impressionista dos nossos saudosos encontros! E as conversas são como as cerejas; mesmo com opiniões tão diferentes, é possível manter animadas discussões horas a fio. Que bom...

na prise és bestial disse...

foi bonita a festa pá
(o senhor ou senhora das termas me tenha na sua graça?)

foi dançar a bossa nova disse...

schiu! tu estás a repousar nas termas!

E muito bom!! o jantar, o título e o post. melhor, só nós - aqui ou em mais um jantar!

Anónimo disse...

Parabéns pelo blog. Está nos meus favoritos. Vou de certeza continuar a passar por aqui.

8 e coisa 9 e tal disse...

querida na prise, bons comentários a vejam, pensava que ainda estava a banhos, por causa dos bicos de papagaio. Beba-se já uma mini à sua saúde! A propósito sabiam que se pode procurar emprego real desta vida, no second life? e como já tenho um avental, é desta que vou ter um avatar....

gerou-se a confusão natural disse...

Ei, eu bem tento abandonar a tese da conspiração mas... não viram que também estou aqui?! E até consegui ser a primeira a comentar, o que me deixou muito feliz por tão inédito que é. Voltei, pá! Bom, precisamos de mais um jantar.

dizia ela baixinho disse...

muito bom! o jantar e o post.

(e há que referir aquela água bem boa, de equilíbrio iónico alterado).

no baile da d. ester disse...

gerou-se a confusão natural, pois estás, foste a primeira, venham de lá esses ossos!

escrevo as actas, ah pois escrevo, que isto não é um blogue sem rei nem roque, há ordem e organização, ou se fazem as coisas bem feitas ou não vale a pena fazer. portagem, vssffffffffff.

o chofer a dançar com a criada disse...

Não se esqueçam é de trazer as cavalas para a próxima!!!

foi dançar a bossa nova disse...

cavalas? os peixes?! se forem assadas no forno, por mim está bem!