30 abril 2009

Estou sem palavras

Ainda estou a juntar as peças que se soltaram com o que li. O mundo perfeito acabou.

5 comentários:

sem-se-ver disse...

e eu a tentar demovê-la.

e eu sem ter acesso ao c*********** do site que levou a tudo isto! f**-se que fico com ela entalada???!!!

Isabela disse...

Tudo tem um tempo.
Acabou, pronto.
Mas não estão a pensar que agora fico toda a vida sem escrever, não é?
Animem-se. Eu vou estudar a coisa e ver como posso arranjar um blogue, site onde possa escrever de forma que os meus direitos estejam salvaguardados a um ponto que os meus textos não possam ser copiados por qualquer nazi de merda. Peço desculpa pelo vernáculo.
Beijinhos minhas queridas.

nove e tal disse...

querida isabela,

também estou sem palavras e as tuas vão-me fazer muita falta.

que encontres - muito em breve - o teu espaço a salvo da bestialidade humana.

obrigada por tão generoso comentário. és a MAIOR!

um beijinho e aquele abraço,

mafalda

p.s. ok pela primeira vez quebrei a regra e assino com o meu nome próprio.

sete e picos disse...

e eu reitero o que disse no mail e digo mais, venha de lá esse novo espaço protegido de abusos de pessoas que não têm coisas mais proveitosas onde gastar a sua energia de vida. E se houver petição de protesto, assino já.

d. inês sequiosa disse...

Leitora silenciosa do mundo perfeito, aqui estou eu na curva para a petição de protesto e para o blogue que a Isabela nos trouxer.