07 outubro 2007

O amor em visita

Em Lisboa eu tinha o rio, a praia, a minha casa, a casa dele, a antologia poética da poesia. Mas foi a tirar as malas do carro, à porta de um hotel sem jeito numa cidade sem história.

2 comentários:

gerou-se a confusão natural disse...

Eu sei, amiga, que estou um pouco durkeiniana: a antologia poética da poesia?! Querias que fosse de quê?!

chegou a altura de modificar a história disse...

"...sem história"???

o que a menina perde por não ser marxista...

pfspdffd - nem de propósito