16 fevereiro 2008

A few of my favourite things

A Ana passou-me a corrente das 12 palavras que mais gosto. Normalmente passo ao lado das correntes, mas desta vez não me apeteceu.


Assim, aqui ficam.


1. chantilly, gosto de dizer "chantiii" sob o coro de protestos das minhas irmãs, gosto de o lamber de-va-ga-rinho e sentir todas as moléculas de gordura e açúcar na ponta da minha língua

2. livro, o vr faz-me cheirar as folhas a serem passadas num instante, o som, a imagem, imaginar o que la está, antecipar o prazer da leitura.

3. dançar, é das coisas melhores da vida. danço em todo o lado, mesmo sem ser dentro da minha cabeça

4. pirlimpimpim (pós de), era o que me curava todos os males quando era pequena. ainda hoje.

5. mãe, porque me faz falta dizê-la

6. princesa, quando me chamam assim fico logo como a menina de 5 anos que tinha uma camisa de noite cor de rosa até aos pés, só me faltava a tiara para ser uma princesa verdadeira. e o príncipe claro, que indubitavelmente haveria de chegar.

7. ronha, enche-me a boca e a alma, ficar na ronha na cama ao sábado de manhã

8. marmelada, não a comestível a outra, a boa, de ficar aos beijos com língua e abraços muito tempo, sem tempo, com tempo

9. claras-em-castelo, mesmo sem açúcar, pô-las dentro da boca e sentir a textura firme desfazer-se com o calor e a saliva

10. película, gosto do crrrrr das películas verdadeiras a rodar para se verem as 24 frames num segundo. gosto de ver a película de água e sabão que se quer cada vez maior no pavilhão do conhecimento. gosto de números de magia com bolas de sabão, a solidez e a fragilidade da película.

11 e 12. Paul Newman, o homem mais bonito de todos os tempos.

26 comentários:

dizia ela baixinho disse...

1. janela - pq era uma das palavras preferidas da minha professora de alemão e que foi a 1ª pessoa que me alertou para o facto de que as palavras podem ser bonitas.

2. mar - pelo motivo (mais que) óbvio.

3. pai - pelo mesmo motivo invocado pela d. ester.

4. sofia - pelo nome, pelo significado, pela pessoa.

5. amor - pq sim e pq ao contrário é uma cidade linda.

6. atípica - porque me define.

7. som - porque não poderia viver sem ele.

8. silêncio - porque não poderia viver sem ele.

9. cais - pq gosto de todos os cais de embarque, a anunciarem viagens e a partida para o desconhecido.

10. raisparta - a minha imprecação preferida.

11. alfazema - da flor, do cheiro.

12. fantasia - pq sim.

sete e picos disse...

12 palavras que gosto:

Mamarracho ou em castelhano, mamotreto- gosto do som destas palavras para coisas pesadonas, feias, exageradamente grandes.

Focinheira – uma das palavras da minha infância (tem cuidado ou partes a focinheira) que me foi recordada pela minha filha depois de ter passado umas férias com os meus pais

Amizade- uma das coisas indispensável para a minha felicidade

Conbibio – vai ligada à anterior palavra

Rir – com três letrinhas apenas se escreve uma das palavras que mais prazer me dá à alma

Liberdade – por sempre me ter sido familiar a sua defesa e por ter adquirido para mim um novo significado depois de ter vivido num país onde o seu exercício implicava risco de vida

Beruf (em alemão) – aprendi esta palavras para aí no 8º ano do liceu e foi a primeira vez que percebi que desejo que o meu trabalho esteja ligado à minha vocação ( o meu problema tem sido definir esta última)

Supercalifragiexpialadoushas – útil para tudo e em qualquer situação

Fodasss- indispensável nos meus desabafos quotidianos

Dançar – dançar, dançar, dançar, é a minha felicidade suprema

Namorar, de todas as formas e feitios.

Luar (palavra para a qual não encontro tradução no castelhano) – porque gosto de ver a luz da lua reflectida na natureza e na cidade, gosto da noite e do tempo fora do tempo.

E passo ao outo e não ao mesmo, vai para o cenas obscenas do womenageatrois, isabela do mundo perfeito e para o nerd, do preludeapresmidideunfaune (pausa para respirar) e o manyfaces.

dizia ela baixinho disse...

ai era p passar? então passo:

ao nosso 'bigodaças' de serviço, ao zamot do 20 centímetros, ao filipe do câmara clara, à sem-se-ver, ao jpt do ma-schamba.

dizia ela baixinho disse...

ah! (como é que eu me fui esquecer?)

ao pirata-vermelho.

jpt disse...

dizia ela baixinho dá para repetir as palavras de outros? é que a (?) sete e picos já usou uma ....

dizia ela baixinho disse...

dá, pois.

e as outras 11?

-pirata-vermelho- disse...

Bem escolhidas, oh múltipla!
E se substituisse PaulNewman por 'chófer'?

-pirata-vermelho- disse...

Digo-lhe, só a si, muito baixinho

focinheira (roubada ali em cima)
atípica (idem)
trombil
escalavrado
wittgenstein
apocalíptico
misantropo
carga-de-porrada
RainerWernerFassbinder
conceptual
trivial
viva-purtugale!

d. inês sequiosa disse...

estou eu a tentar recuperar nas termas e reparo que a dona ester se esqueceu de mim. Oh ofensa mortal! Oh dor de alma enorme!
Apesar de não ter sido convidada para esta brilhante corrente, aqui deixo doze palavras, sem qualquer ordem:

1. água, porque sim;
2. café, porque sem ele os meus dias seriam uma nebulosa,
3. dormir, porque é tão bom e pode ter lá dentro a palavra seguinte
4. sonhos, por todas as razões;
5. dançar, porque não há prazer igual;
6. viajante, porque é o que eu quero ser quando for grande;
7. amor, porque sem ele nada faz sentido;
8. ler, porque é uma das coisas que mais gosto de fazer;
9. tempo, palavra onde cabe quase tudo e - se não tivermos cuidado - quase nada. Cabem os amigos, os amores, o nosso corpo e a forma como vamos vivendo tudo isso à medida que o tempo passa;
10. fodasse, porque muitas frases perderiam sentido sem esta palavra,
11. mixcofdaradaratiroliro, porque é uma lingua inventada desde que sou pequena,
12. cagada, no sentido literal e metafórico, uma palavra sempre inspiradora.

no baile da d. ester disse...

Oh D. Inês, por quem é. Como a senhora e o Amaral se encontram no justo repouso termal não a quis deixar em cuidados. Mandei recado pela amiga bestial mas está visto que não lhe chegou. E é pena.

mixcofcofdaradarapumpum.

Bonitas palavras que andam por aqui.

Jpt, não há que enganar e não há interrogação possível, aqui as múltiplas são todas XX.

no baile da d. ester disse...

Pirata deixe estar o Paul Newmman em paz, a dor de cotovelo é uma coisa muito feia.

Bigodaças disse...

ai filhas, cu esta é que vossês me tramaram, inda pro cima as minhas favoritas não aparessem no dissionário, mazaqui vai o que se pode arranjar assim à preça:

gazua - um instrumento de trabalho indispençável e maneirinho.

limadazunhas - (daquelas de metal) muito útil para paçar o tempo e fazer trabalhos oficinais nas grades das prisas de baicha sigurança

bigode - proque a natureza me deu um que dá um bigode a kalker outro

bidoeira-de-baixo - ai terra mai linda, a mai linda!

oszóculos - outro asseçório indispensável no meu ramo (escuros, claro)

chico-esperto - o nome carinhozo que a 'nha professora me chamava

fechadura - proque, tal como as garinas, não há uma que não abra

mãe - hummmm, de tão cumuvido nem consigo dizer nada...chuinf, descolpai mazum homem não é de ferro

coirato - aqui em Miami não há e tenho çaudades da molhanga gurdorenta a escurrer na carcassa

boa-tranca - atributo ecenssial na gestão de ótelaria e similares a que me dedico

tótó - tipos porreiros que dão esselentes sócios

liberdade condicional - priudo de reculhimento pra fazer bakanais e vizitar os sóssios que devem carcanhol.

vosso

Bigodassas

nerd, someothertime, e agora em apneia, preludepour leapresmididunfaune disse...

chato porque o que foi pedido foi as palavras e vocês estão a falar do conteúdo delas e alguém tinha que vir aqui dizer isto, tenham lá santíssima paciência, mas o que é para se dizer é para se dizer e mai nada, além disso dizem-me esta palavra tantas vezes, às vezes até juntam e comprido vê lá se te calas que já não há pachorra, mas o que é facto que ela pegou-se tipo cola uhu olha aqui está uma e esta é que é a primeira bola a sair do saco e agora sim vamos lá ao que interessa.


seios
luxúria
sim
suave
meigo

estas são algumas que gosto, independentemente do conteúdo (que mentiroso...)


sôfrego
desenfreado
desvairado
alabastro


tá mal... o alabastro tem a ver com os seios, portanto não conta, o que conta é ser livre.

quero-te

para o fim a melancolia

poet-bomber disse...

12 dá azar... por isso ficaram 13, mas como estamos perto de S. Valentim... lá vai 14...e como é estrangeira, nem conta por assim dizer

a que falta : Hulot

JPT disse...

1. Afinal ...
2. Ainda ...
3. Amigo
4. Amor
5. Carolina
6. Eu
7. Inês
8. Irmã(o) (no sentido de ascendência materna e/ou paterna comum, nunca no da actual palhaçada cristo-nacionalista muito em voga em algumas paragens)
9. Mãe
10. Pai
11. Querida
12. Sportingue

[há as que não gosto particularmente mas que me são imprescindíveis. Não será uma opção estética mas sim existencial. Elejo como 13ª a representantes deste núcleo: foda-ssse]

nove e tal disse...

forma ou conteúdo, who cares?

(não têm que ser todas em português, pois não?) então lá vai:

1. endlessly
2. oblivion
3. magari
4. almoçageme
5. emmerdement
6. reverie
8. liquidez
9. groovy
10. framboesa
11. praia
12. (Supercalifragilisticexpialidocious, que, já agora, quer dizer "atoning for educatability through delicate beauty")

e passo ao dorean paxorales e ao tintin.

aflito co'as mãos nos bolsos disse...

aí vão 12 palavras 12:

xoné
zarabatana
bezerrar
ripanço
chiça
bolsos
mirtillos
envolvente
fisga
passaroco
amável
gosto
tiroliro
tiroló

passo à shiz,ao mouro da linha e ao blog cocó na fralda

nove e tal disse...

e tb passo este desafio ao miguel marujo.

perante o riso geral disse...

1. pirolito
2. xabregas
3. pinguço
4. querer
5. riso
6. embaraço
7. bicho
8. farrusco
9. esferomina
10. sushi
11. tricotar
12. pinhal

Estas não eram as escolhas originais. Perdi-as quando tentei postar pela primeira vez. Percebi depois que gosto de muitas palavras. Dá jeito quando se escreve num blogue.

foi dançar a bossa nova disse...

Passo a corrente e siga a marinha.

zamotanaiv disse...

Thanks, mas por esta vez passo.

sem-se-ver disse...

1. auréola

(2. - 12. - auréola)

(mas ok, vamos a isto. aplica-te, ssv!)

gosto de palavras que enrolem na areia. da boca. do céu da boca, melhor dito.

como:

2. amor

3. mahler

4. inventar

5. torpor

6. encolher

7. odor

e de palavras sem as quais não sei viver. no céu da boca e no céu da terra.

como:

8. som

9. silêncio

10. música

11. pauta

12. para sempre.

sem-se-ver disse...

(é para passar a alguém ou isso é perrogativa das donas do blog? fiquei sem perceber)

sete e picos disse...

é dado sem-se-ver, é como quiseres, se quiseres passa, senão quiseres não passas.

sem-se-ver disse...

então não passo.

tintin disse...

1) milu;
2) castafiore;
3) girassol;
4) haddock;
5) dupont;
6) dupond;
7) rastapopoulos;
8) nestor;
9) alcazar;
10) tintin;
11) hergé;
12) aventuras;

e muitas mais ficam por escrever.