16 janeiro 2008

I beg your pardon?

É do conhecimento público que a Sida, assim como outras DST, são cada vez mais frequentes entre a população heterosexual, apregoamos que queremos um mundo com respeito pela diversidade sexual, cada vez há mais países que reconhecem e muito bem os mesmos direitos sociais e políticos às pessoas com uma orientação sexual diferente à heterosexual e contudo, sendo o Canadá um destes países, proibiu a doação de órgãos por parte das pessoas com orientação homosexual.

Confesso que cada vez percebo menos este mundo em que vivemos.

5 comentários:

dizia ela baixinho disse...

e, infelizmente, não é preciso ir tão longe. Em Portugal, antes da doação de sangue, tem que se responder a um questionário extenso sobre 'hábitos e comportamentos sociais'. há, a dada altura, uma pergunta directa sobre a orientação sexual e quem declarar ser homossexual fica imediatamente impedido de doar sangue.

um leitor devidamente identificado disse...

não exactamente.

proibida a doação por parte de homens com relações activas com outros homens nos últimos 5 anos.

ou seja, não rejeita a doação por parte de homosexuais per si, mas dos activos...

dois errados não fazem um certo...

o canadá errou, por não ver em abstracto o factor de risco que é o "sexualmente activo" em situações de risco, seja com quem for.

dizia_ela_baixinho... como te sentirias num tribunal a pedir contas ao Estado por te ter fornecido sangue contaminado porque não se tinha lembrado de fazer um filtro sobre o risco dos dadores ?

aliás, foi isso que aconteceu no Canadá nos anos 80... uma fúria popular porque tinha havido contaminações e não se tinha ainda pensado em "extensos questionários sobre hábitos e comportamentos sociais"

qual é o problema do extenso questionário ? é ou não verdade que os "hábitos e comportamentos sociais" são pertinentes na avaliação do risco de infecção de SIDA, Hepatites e outras ?

o que está errado é aceitar como premissas certas o ser homosexual...

em tudo o mais, é muito bom descriminar e rejeitar os dadores de sangue e de orgãos que tenham comportamentos de risco.

8 e coisa 9 e tal disse...

Eu também estou de acordo, deve haver filtros e diminuir os riscos de contágio. Não se pode é discriminar uma pessoa, homem ou mulher, por ter relações com outra do mesmo sexo. Há heteresexuais que têm comportamentos de risco, assim como homosexuais, e o contrário. Não é a orientação sexual que te coloca num grupo de risco, mas a maneira como se vive a sexualidade e nisso Portugal e o Canadá estão a ser claramente discrimatórios.

dizia ela baixinho disse...

caro leitor devidamente identificado,

o "extenso questionário" a q me referia faz todo o sentido na questão que referi - a da doação de sangue. apenas me referi a ele pq não concordo com UMA pergunta que é colocada e que tem que ver com a orientação sexual e como a mesma funciona efectivamente como factor de exclusão/discriminação. mas acho que em relação a esta questão estamos todos (a oito tb) de acordo.

sem-se-ver disse...

they did what???

(canada, I mean)